Clarice e Leonardo – Casamento

Noivas sorridentes passam energias vibrantes. A Clarice desde o primeiro instante que a vimos no “Grande Dia” ainda no making of estava de uma maneira exclusiva radiante. Ela, que não esperava nunca em ter um dia como aquele o viveu intensamente com uma alegria terna que de tão intensa chegou a contaminar até a nossa equipe.

É verdade que quando fechamos um casamento, abraçamos aquele dia como se ele fosse um pouco nosso. Nós gostamos muito, além de registrar todos os momentos, de assistir a cerimônia e até de participar da festa com olhar observador, apenas aguardando as melhores cenas, os melhores abraços, os melhores, os melhores e os melhores. Nada de terminar tudo e sair correndo de volta pra casa. Mas o momento da cerimônia, pra mim (Dany) é o ápice de tudo! Viajo muito nessa hora, relembrando todos os detalhes daquele relacionamento que os noivos dividiram conosco, todo o caminho que eles percorreram pra chegar até aquele dia. Várias vezes até me emociono junto e choro baldes, porque no dia do casamento tudo faz sentido. Meu marido Michel ri de mim, mas no fim acaba se emocionando junto. Ele até acha que eu exagero um pouco, porque me entrego mesmo e não consigo evitar me sentir um pouco “madrinha” daquele casamento. Sou louca? Um pouco. Mas sou tão feliz sendo assim! Não há maneira de registrar sentimentos sem ser sentimental. Tem que se colocar no lugar daquele casal e incorporar toda aquela a situação pra conseguir através das imagens congeladas passar todo o sentimento daquele dia em imagens quentes. Entederam? Imagens são congeladas e queremos que sejam quentes.

A Clarice ria sozinha, não sei se ria dela mesma por estar ali, se ria por que não estava acreditando que o dia tinha chegado, ou se por que ela tinha topado a idéia de entrar no altar, mas o fato é que ela ria, não de nervosismo ou até que um pouco sim. Mas a Clarice escolheu sorrir em todas as fotos, ser a pessoa mais iluminada da festa, e curtir aquele momento como se fosse o mais importante da vida. E como de fato é. O pai do Léo, o noivo, sentiu toda aquela vibração e em vários momentos esteve em prantos. Nesse dia a gente sentiu como os dois são queridos por todos os amigos e familiares que ali estavam presentes. E também sentiu uma grande confiança por parte deles no nosso trabalho. Isso nos dá uma liberdade de criar e de fazer coisas que jamais imaginamos. Léo e Clarice, foi muito bom guardar todos esses momentos pra vocês. Muito obrigada por tudo! Queridos noivos, desejamos a vocês todos os motivos para serem felizes nesta vida. Abraços da Dany, do Michel e do Jakson também.

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

O seu email nunca será publicado. Marque os campos obrigatórios *

*

*


Voltar ao Topo